Lumpectomia pode tratar câncer de mama em estágio inicial
24/07/2017

Lumpectomia pode tratar câncer de mama em estágio inicial

A lumpectomia ou tumorectomia é uma cirurgia para a remoção apenas do nódulo existente e das suas áreas adjacentes, sem haver necessidade da retirada total da mama. Ela pode ser usada tanto no diagnóstico do câncer de mama com a realização de biópsia do tecido retirado cirurgicamente quanto no tratamento do câncer de mama em […]

A lumpectomia ou tumorectomia é uma cirurgia para a remoção apenas do nódulo existente e das suas áreas adjacentes, sem haver necessidade da retirada total da mama. Ela pode ser usada tanto no diagnóstico do câncer de mama com a realização de biópsia do tecido retirado cirurgicamente quanto no tratamento do câncer de mama em estágio inicial.

 

Benefícios e riscos da lumpectomia

Benefícios da lumpectomia – é retirado o nódulo e uma pequena parte de tecido ao seu redor, uma espécie de borda de segurança, e as glândulas mamárias não afetadas são preservadas. Como essas estruturas são responsáveis pela produção do leite, isso torna possível amamentar no futuro.

Riscos da lumpectomia – após a retirada do nódulo e da área próxima a ele, se constatada sua malignidade, podem ser detectadas células tumorais em outros lugares da mama ou uma reincidência mais agressiva do câncer de mama. Caso aconteça, será necessária uma nova cirurgia para retirar outras áreas, o que pode impedir amamentar no futuro devido ao comprometimento das estruturas envolvidas no processo.

 

O que você deve perguntar para o seu médico sobre a lumpectomia?

A possibilidade de ter câncer de mama ou ser diagnosticada com a doença, ainda que em estágio inicial, sempre impacta emocionalmente. Por isso, é importante organizar suas dúvidas e fazer uma lista de perguntas para o seu médico, por exemplo:

  • Qual parcela do meu seio foi tomada pelo tumor?
  • Qual a quantidade de tecido a ser removida por precaução caso seja feita uma lumpectomia?
  • Como será a minha cicatriz? Haverá mudança na aparência dos meus seios?
  • Existem outras opções para diagnosticar e/ou tratar o câncer de mama? Quais os benefícios e malefícios delas?
  • Quais as chances de uma reincidência do câncer de mama após a cirurgia para a retirada do tumor?
  • Será necessário fazer um tratamento adicional à cirurgia, como radioterapia?
  • Qual é o tempo médio para recuperação após a cirurgia?

Quanto mais cedo um câncer de mama for diagnosticado, maiores são as chances de cura. É importante lembrar que o câncer de mama também pode acontecer nos homens, embora em percentual muito menor.

 

Conteúdo relacionado no site Mulher Consciente

 

Referências